Levados Pela Poesia

terça-feira, 24 de abril de 2018

PRECISO DE UM TEMPO SÓ

Solidão e companhia são como um balão de festa para mim: é necessário ar, para não ficar murcho, mas não em excesso, senão ele estoura.

Companhia é meu ar e é também minha explosão. Solidão é meu vazio e é também o que me faz suportar o mundo.

É tudo a se interpretar.

Cansada de tentar explicar minhas dores, minha fuga, meu exílio. Exausta de demonstrar afeto quando o que me resta é aborrecimento. No fim há mais isolamento. E isso é assunto para outro texto... esse já ficou longo demais. Era para ter só um parágrafo.


(2013. Thais Poentes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário