Levados Pela Poesia

quarta-feira, 27 de março de 2019

CARTAS À MAFÊ I (OP.24 N.3)

Toda essa inveja,
Toda essa insegurança,
A profundidade de sentimentos,
Toda essa vontade de se provar,
As lágrimas, as dificuldades,
As confusões, as mentiras,
Os amores, os temores,
A dificuldade de se expressar,
A dor de perceber os outros,
É por isso que eu te procuro,
Porque você é como eu fui,
Você é como fui na infância,
É como fui na pré-adolescência.
Olhos brilhantes, amor platônico,
Sentimentos controversos
Muito fortes na idade errada…
Sem saída, sem aprovações,
Eu sei o quanto você sofre,
Sei que ninguém mais entende,
Mas sei que você é boa menina,
Digam o que disserem, Mafê.

(Augusto Fossatti)

Nenhum comentário:

Postar um comentário